Em pauta Últimas Notícias

Eleição do Sispmur pode ser a mais disputada da história

Os servidores municipais de Rondonópolis (efetivos e contratados) escolhem no mês de novembro a nova diretoria do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Rondonópolis (Sispmur). Quem é do meio político sabe que o pleito representa quase 1/3 dos votos para a eleição de prefeito na cidade. É comum ouvir nos corredores da política que o servidor público traciona pelo menos 13 mil votos. De olho nesse número estão vários prefeituráveis. 

O prefeito Zé do Pátio não esconde sua preferência pela atual presidente Geane Lina Teles de Moura. Geane ainda concentra apoio de toda a base de Pátio e dos três vereadores do PSDB. Aliás o laço com os Tucanos está cada vez mais rígido.  O que se comenta é que Geane disputaria a eleição do Sispmur já de olho numa vaga na Câmara de Rondonópolis. No seu lugar ficaria Rubens Paulo, seu provável vice. 

Na outra ponta da corda está um grande grupo de servidores, promovendo reuniões constantes e com a proposta de lançar uma chapa forte, capaz de fazer frente a quem está na administração. Uma situação que pode contribuir para a mudança são os novos concursados, os fucionários da educação e saúde. Estes servidores manifestam descontamento diário em redes sociais. A quem diga que até a Coder, reduto histórico do grupo que domina o Sispmur por sucessivos mandatos, estaria declinando por mudanças. 

A "chapa vai equentar" nos próximos dias e tudo indica que só voltará para condições normais de temperatura, depois da confirmação do resultado oficial. 

Direito de reposta

Nota de esclarecimento à matéria veiculada – “Eleição do Sispmur pode ser a mais disputada da história”

O SISPMUR, de uso do seu direito de resposta, vem esclarecer, que as eleições do Sispmur acontecerão em 2019, porém sem data definida, ao contrário do que pontuou a matéria.

Atualmente, a Presidente está focada nas diversas pautas do Sispmur. Geane afirma: “Suas ações atuais estão norteadas para garantir administrativamente ou juridicamente o que é de direito dos servidores.”

Concernente a criação de outra chapa é direito. Está preocupada com as demandas dos servidores, reerguendo uma entidade que em gestões passadas, deixaram dívidas, lapidaram o Patrimônio dos servidores e hoje Geane e Rubens tem orgulho deixar patrimônio e dignidade a esta entidade. No tocante a candidatura a Vereança, trata-se de mais uma inverdade, o foco são as questões judiciais e por fim com sua reeleição.

Em relação a Rubens, podemos concluir a austeridade iniciou-se com ele e suas diretorias a partir de 2008, a de aqui lembrar que Rubens ergueu e aplicou os recursos do SISPMUR com honestidade e comprometimento, algo escasso num país violado e esculachado pela corrupção e desvio de recursos financeiros, prova é que este SINDICATO, recebeu do MPT, elogio, pelo zelo e o cuidado com as nossas Finanças e seguindo a linhagem de Rui Barbosa ”De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto.”

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *